quarta-feira, 25 de abril de 2012

As minhas pipocas são melhores que as tuas ;)

Como fazer pipocas doces sem ficar com açúcar nas mãos quando as comemos

Sempre pensei que fazia as pipocas bem feitas, milho e óleo a cobrir o fundo da panela, depois de prontas, cobria com açúcar e, já está!

Há uns tempos, numa sessão de cinema em casa da madrinha da Sara, ela preparou pipocas para acompanhar o filme. Estavam deliciosas, todas elas docinhas e nada de açúcar nas mãos. Foi então que fiquei a saber o segredo: o açúcar se deve colocar junto com o óleo e com o milho, logo no início. 
 De seguida, tapa-se e aguarda-se, até que o milho deixe de saltar (em lume brando).
 Agora sim, as pipocas são deliciosas!
 Por fim, saboreia-se e partilha-se!

Espero que estejam a passar um feriado tão saboroso quanto o nosso ;)

19 comentários:

mão da mãe disse...

tem lógica sim, mas eu fazia como tu, colocava o açúcar no fim.
beijinhos*

Vecas disse...

Adoro pipocas, essa tua receita vou ter que experimentar! este feriado esteve gelado e só sabia bem, como tu, tendo a lareira acesa! beijinho

eutambemtenhoumblog disse...

Olha boa ideia! =)

Mas não pode é lvar tanto açúcar se não lá se vai a dieta =P

Beijocas

Vera disse...

Que amoroso a mano dar as pipocas à mana :)

Sofia disse...

Que bom! :) Obrigada por mais esta dica. Também fazia como tu, agora vou experimentar da nova forma.

Um beijinho*

Mafalda S. disse...

Desconhecia esse truque. Boa ideia!

Tenho um desafio no meu blog para ti. As perguntas são feitas por mim, por isso fico curiosa quantas às respostas que possas dar (se quiseres participar, é claro).

Beijinho

mfc disse...

A questão é sempre saber qual é o truque...!!
Beijinhos,

Mamã Petra disse...

Nunca fiz, e só agora reparei.

Beijinhos

Tanita disse...

Ana,
que fotografias tão ternurentas.
?assei para deixar um beijinho e desejar bom fim-de-semana** agradecer também o teu testemunho no meu post. Acima de tudo acho que as pessoas não têm valores, nem colocam amor no que faze, apesar de não gostar do que faço actualmente, dou o meu melhor pois os outros não têm culpa das minhas frustrações.
O que tenho medo no colégio do meu filho, é que as pessoas que são tão simpáticas no fundo, e quando não estou lá tratem os meu filhote mal... mas nem quero pensar nisso.
Obrigada. Bj**

Marisa Reis disse...

Que imagem maravilhosa, a lareira acesa, as pipocas e dois tesouros a devorá-las.

Tem uma lembrança no meu blog para vocês.

Turista disse...

Querida Ana, também não sabia que se devia juntar o açúcar junto do óleo! Obrigada pela partilha. :)
Querida Ana, se quiseres participar no sorteio do eco saco, deixa o teu email lá na Turista, por favor. :)
Beijinhos e bom fim de semana.

Paula disse...

Cá em casa também costumamos fazer as pipocas assim. São deliciosas!

Mamã Petra disse...

Hoje fiz pipocas, nunca tinha feito, mas depois de ler aqui o teu post resolvi fazer para os mocinhos verem um filme. Adoraram a ideia e as pipocas, as tuas receitas são boas, já a pizza foi de comer e chorar por mais.

Tens um miminho no meu cantinho.

Beijinhos

Ana disse...

Ainda bem que a dica foi útil, estava com dúvidas, se era ou não normal fazê-las assim.

Beijinhos e obrigada.

Boa semana :)

Cris ♥ disse...

Essa receita foi-me ensinada por um amiga do meu marido, mas eu continuo a preferir as do Pingo Doce!!! ;)

PINTA ROXA disse...

lá em casa há sempre pipocas mas daquelas prontas para ir ao micro ondas.
Um dia aventuro-me a fazer assim.
a aprendiz é que só gosta delas salgadas, será que se pode colocar logo o sal como nas doces??
Pinta

ana cerneleanu disse...

Olha ai está uma coisa que eu tb não sabia.Tenho um pacotinho de milho lá em casa, vou experimentar.
beijinho

Ana disse...

Pinta Roxa
Perguntei à Lúcia e ela não sabe, apenas faz com açúcar, pode sempre experimentar :)

Força, Ana! Ficam mesmo boas!

Restless Minds disse...

nice touch :) não sabia este truque, vou experimentar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...