terça-feira, 19 de julho de 2011

Apelo

Por muito que tente, não consigo abstrair-me desta notícia, que não tem razão de existir, em pleno Século XXI.

Por isso, apelo a todos os que me lêem, que contribuam da forma que puderem para ajudar a acabar com esta catástrofe humanitária. Eu sei que é difícil, sei que não é o meu contributo que faz a diferença, mas sim o meu e o vosso, e o dos vossos amigos, familiares, vizinhos... eu sei que a união faz a força.
Também sei que não tenho o dom da palavra para vos persuadir neste sentido, por isso, passo a palavra a quem sabe melhor do que eu, convencer-vos a ajudar quem precisa.
Deixo um discurso marcante e inteligente de uma pessoa extraordinária. Ele falava de pobreza, mas o seu raciocínio aplica-se a um sem número de situações humanitárias, entre as quais, a fome.

Quando era jovem a minha primeira impressão da América era um homem a caminhar na lua. Neil Amstrong, 1969. Eu pensei, estes americanos são loucos. Mas pensei o que é que este país consegue fazer com as suas mentes, é incrível!
John F. Kennedy disse em 1963: - “No final da década vamos pôr um homem na lua”. (…) O que eu vou pedir agora é: - Presidente Bush, Primeiro-Ministro Blair e a todos os lideres do mundo para fazer. Vamos pedir-lhes para fazer algo extraordinário, não se trata de pôr um homem na lua, mas sim devolver a humanidade à terra. Nós temos a tecnologia, nós temos os recursos, nós sabemos como acabar com a pobreza extrema. Se nós tivermos a vontade e eu acredito que nós temos a vontade.
O que é que se passa com esta geração, o que é que se passa connosco? (…) Nós vamos fazer da pobreza extrema história, é isso que nos cabe fazer. E eu acredito que não é impossível, eu acredito que nos próximos 50 anos, vamos recordar este momento e dizer: “- Em tempos houve gente que disse – não está certo deixar uma criança morrer no século XXI por falta de uma vacina de 0,20$ (dólar), não está certo deixar uma criança morrer sem comida no século XXI, isto não está certo.”
Bono Vox (vocalista dos U2)
In Concerto ao vivo em Chicago 2005

Vamos fazer uma corrente de apoio, na Blogosfera, e ajudar a acabar com esta miséria.

Imagem: Internet

Peço desculpa ao Bono Vox, por quem tenho um enorme respeito e admiração, por usar, este discurso, que me emocionou bastante, e no qual acredito, ou pelo menos, quero acreditar. Não estive em Chicago, infelizmente, mas, tenho o DVD e decidi transcrever esta mensagem, pois considero-a magnífica, e acho que pode despertar o sentido solidário que todos nós temos.

9 comentários:

estrela disse...

Há coisas que todos nós podemos fazer e não nos custa nada! Bjs

estrela disse...

Tens 2 miminhos no meu cantinho que te ofereço quando tiveres oportunidade passa lá!!!

P. B. disse...

Vou partilhar!!!

Ana disse...

Estrela
Completamente de acordo.
Obrigada pelo selinho :)

P.B.
Muito obrigada, de coração.
Temos que ajudar estas crianças. Sempre que vejo as notícias, só penso nos meus filhos e peço a Deus que os proteja. Isto é inadmissível, gastam milhões em armas, e deixam crianças morrer à fome. Não consigo compreender.

Beijinhos para as duas :)

ana disse...

Uma boa iniciativa da tua parte. bj

Caminhante disse...

Olá Ana, vim retribuir a visita que fizeste ao meu cantinho e por aqui vou continuar. Beijinhos

Mafalda S. disse...

Concordo em pleno com qualquer apoio que se possa dar. Eu sempre que posso, apoio campanhas de solidariedade (ainda este mês o fiz). Com pequenos gestos, podemos ajudar bastante.

Beijos

Te disse...

Ana realmente há coisas que mechem conosco. Esta noticia é uma delas. Vou seguir o teu exemplo e partilhar este teu post no meu blog.

Beijinho.

JT disse...

É verdade. É inacreditável nos dias de hoje. Saber q situações como estas acontecem no mundo... Mas podemos mesmo ajudar? Acho difícil. Porquê? Porque o dinheiro q tantas pessoas enviam não é usado para ajudar as crianças. Bill Gates deu $36 biliões (quantia inacreditável) à UNICEF, supostamente para ajudar e salvar crianças. Pois... infelizmente o dinheiro foi e é investido no controlo da população. Os líderes mundiais têm como um dos seus principais objectivos reduzir a população mundial em 90%. Se ñ acreditam investiguem vocês mesmos. Se não acreditam, expliquem como é q depois de $36 biliõe, as crianças continuam na mesma, num país onde tantos vivem com $3 por mês. Não acham q se o dinheiro fosse mesmo investido em ajudar q a situação se tería resolvido, ou pelo menos para grande parte das crianças Africanas? Abram os olhos e investiguem, ñ contem com os media pois eles são controlados pelos líders mundiais e se puderem, aprendam inglês. Ficarão chocados com as coisas q tão a acontecer no mundo e q uma grande percentagem de vós não faz ideia...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...