terça-feira, 8 de novembro de 2011

Do fim-de-semana

Não tirei fotos, com muita pena, confesso.
Não tínhamos planos. Mas, quando a minha sogra mencionou o S. Martinho que se avizinha, lembrei-me logo que esta semana teria que mandar castanhas para o ATL e para a Creche. Também me lembrei, que no domingo anterior, por onde andámos vimos quilos de ouriços e castanhas à beira da estrada, no meio da serra. Então, comentei com o meu marido que devíamos ir apanhar castanhas à serra. Tanta castanha na estrada a estragar-se e nós temos que ir comprá-las propositadamente para as crianças levarem para a escola, quando elas não as comem. Ele respondeu logo que sim. Eu disse que estava a brincar, pois não ia roubar castanhas. Ele disse de imediato: - "Roubar? Estão na via pública não têm dono! Além disso, há anos que não apanho castanhas até me ia saber bem!"

Lá fomos nós, e eu cheia de medo. Na verdade aquela estrada quase não tem transito. Parámos numa recta, ligámos os quatro piscas, pegámos num saco de compras que tínhamos na mala do carro, e lá fomos nós apanhar castanhas. Foi uma tarefa em família. O pai e o filho de um lado da estrada e a mãe a filha do outro. Eu apanhava as castanhas e dava à S., que ia a correr a dizer: - "Eiiiiiiii..." - feliz e contente, atravessava a estrada e colocava as castanhas no saco. Voltava para mim a estender as mãos e a dizer: - "Que má" (quero mais). Eu tinha que ser rápida, pois ela não perdia tempo. Foi assim cerca de uma hora. Apanhámos cerca de 4kg (1kg de podres, pelo meio)!

O mais giro, foi a felicidade da S. a ajudar nesta tarefa. O pior foi quando a colocámos dentro do carro, chorou tanto...

Domingo, se o tempo permitir, vamos voltar lá e fotografar.

No sábado, a S. teve uma nova experiência, foi à primeira sessão da Bebéteca, na biblioteca municipal, e assim será uma vez por mês até Julho. Foi tão bom ver ali sete bebés a socializar e a ouvir uma história. No fim dançaram e comeram, ou melhor, a S. agarrou o prato da fruta e não largou, a gulosa.

Boa semana :)

8 comentários:

Kristianna disse...

Sao destas pequenas coisas que tenho saudades...
Aiii castanhas...que saudades...

Aqui o Sao maretinho nao tem sabor...porque nao celebram...nem as castanhas sabem ao mesmo...

beijinhos

Sofia disse...

Olá
Que maravilha e eu este ano que ainda nem provei as castanhas. Mas estou a planear também ir apanhar com o Leo.

Que tarde bem passad essa

beijinho

Palco do tempo disse...

deve ter sido uma tarefa engraçada :)

Naná disse...

Estas coisas são tão simples e dão tanto prazer!
E as crianças adoram isto!
Imagino o berreiro da S. quando lhe acabaram com a felicidade...

Su disse...

E eu que adoro castanhas. Verdadeira maravilha :)

Mafalda S. disse...

Que actividade gira. Foi algo que nunca fiz na vida, para ser franca.

Beijinho

ana disse...

Que belas castanhas!!!!

Ana disse...

Kristianna
Celebras quando chegares. O que conta é a intenção :)

Sofia
Muito bem passada, sem dúvida.

Palco do Tempo
Mas tive muito medo...

Naná
Pois foi! Coitadinha, deu mesmo pena :(

Su
Também eu, cruas, cozidas, assadas, tanto faz, sabem sempre bem.

Mafalda
Pois eu não tenho a certeza se foi a primeira vez que o fiz, mas para os meus filhos foi.
Sei que vais gostar, tens de experimentar com a família.

Ana
E boas!

Obrigada :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...